Adolescentes do Bairro Novo fazem curso de informática e têm dicas para o primeiro emprego

Adolescentes do Bairro Novo fazem curso de informática e têm dicas para o primeiro emprego

 

O projeto Cidadania Digital, que oferece um curso de formação humana e informática, chegou à Regional Bairro Novo. A aula inaugural do curso, promovido pela organização social Gerar em parceria com a Prefeitura e com o Governo do Paraná, foi realizada nesta segunda-feira (25/7), para estudantes do Colégio Estadual Hasdrubal Bellegard.

O curso reúne adolescentes de 15 a 17 anos que vivem em situação de vulnerabilidade e são atendidos pela Fundação de Ação Social (FAS). Divididos em duas turmas, os estudantes terão aulas pela manhã ou à tarde. Serão 30 encontros, durante um mês e meio. Ao final do curso, os participantes serão encaminhados para trabalhar como aprendizes em empresas da região onde moram.

A ação tem como principal objetivo aumentar as chances de os jovens conseguirem o primeiro emprego. “O Cidadania Digital é um projeto importante porque, além de oferecer aulas de informática, oportuniza a transformação social e melhoria da vida dos participantes e suas famílias”, diz Maria Alice Erthal, presidente da FAS.

A Regional Bairro Novo é a quarta a receber o projeto, que já passou pela CIC, pelo Cajuru e pelo Tatuquara. Desde novembro de 2021, o Cidadania Digital certificou 119 adolescentes. 

Parceria

Na parceria, a Gerar é responsável pela formação dos jovens e pelo fornecimento do laboratório itinerante usado para as aulas de informática. À FAS cabe a identificação dos adolescentes que participam do projeto e ao Governo do Estado a oferta da sala de aula, desta vez no Colégio Estadual Hasdrubal Bellegard.

Na aula desta segunda-feira, com o instrutor da Gerar Luiz Henrique Araújo de Oliveira, os estudantes aprenderam e falaram sobre autoconhecimento, habilidades e fraquezas de cada um.   

Oportunidade

O adolescente Gustavo Monteiro da Silva, 16 anos, faz parte da turma da manhã do projeto Cidadania Digital. Animado com o curso, ele disse que espera aprender coisas novas, mas principalmente poder fazer uma entrevista e conseguir um bom emprego.

“Esse curso abre portas para que a gente possa ter um futuro melhor”, disse o adolescente que gosta de fazer amizades e de jogar bola.

Caetano Borges da Luz, 15 anos, ainda não escolheu a profissão que deseja seguir na vida adulta, mas disse que espera que o novo curso possa lhe trazer oportunidades. “Eu sou bem objetivo, tenho maturidade, sou competitivo, confiante e me adapto bem a qualquer tipo de atividade física”, ressaltou ele ao falar de suas habilidades durante a aula.

GERAR

Fundada em 2003, a GERAR é uma organização social sem fins lucrativos que trabalha para promover o desenvolvimento social por meio de ações educacionais e da geração de emprego e renda. A instituição desenvolve no Paraná e em Santa Catarina o programa Aprendiz Legal.

Fonte: Prefeitura de Curitiba