Aposentados da Prefeitura de Curitiba e pensionistas convocados comparecem ao IPMC para a prova de vida

Aposentados da Prefeitura de Curitiba e pensionistas convocados comparecem ao IPMC para a prova de vida

Pelo menos 650 aposentados e pensionistas que não fizeram a prova de vida entre novembro de 2022 e novembro de 2023 compareceram à sede do Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Curitiba (IPMC), no Alto da Glória. Eles foram convocados por correspondência para que possam ter em dia o pagamento dos seus benefícios de aposentadoria e pensão. O atendimento segue até o dia 19 de dezembro para os 1.580 beneficiários chamados.

O IPMC organizou uma equipe, no 2º andar do Edifício Delta (Avenida João Gualberto, 623 – torre B), para esse atendimento. Além de apresentar os documentos pessoais, o beneficiário é fotografado. É desta forma que ele comprova que está vivo e atualiza o procedimento pelos 12 meses seguintes.

Muitos aproveitam para conferir seus dados pessoais registrados no Instituto, fazer nova senha de acesso, solicitar informações, imprimir o contracheque, entre outros serviços.

Os beneficiários podem conferir a validade da prova de vida pelo site do IPMC. Basta preencher CPF e senha e o sistema informa a última vez que o aposentado ou pensionista fez a comprovação.

A prova de vida é etapa obrigatória a todos os regimes próprios de previdência, como o IPMC. Ela evita pagamentos indevidos e fraudes e assegura a gestão responsável na destinação dos recursos previdenciários.  

Prova de vida e orientações

Aos 92 anos de idade, Maria de Lourdes Gonçalves Antunes foi uma das aposentadas convocadas pelo IPMC. Acompanhada da filha, ela aproveitou a viagem para atualizar as informações cadastradas no Instituto e foi orientada sobre as outras formas de comprovação para a prova de vida.

Desde novembro de 2022, a prova de vida pode ser feita de forma simplificada. O aposentado ou pensionista pode provar que está vivo usando os serviços de saúde do SUS de Curitiba ou sendo atendido no Centro de Saúde ou em algum prestador do plano de saúde do ICS (Instituto Curitiba de Saúde). Também é possível atualizar a comprovação pelo aplicativo GOV.BR. Em um ano, mais de 17.600 pessoas fizeram a prova de vida em alguma destas modalidades.

Cada vez que comparece a um dos atendimentos (presencialmente ou por videoconferência), o beneficiário renova a sua prova de vida pelos 12 meses seguintes. Não é necessário agendar atendimento médico exclusivamente para a prova de vida.

Fazer a prova de vida pelo gov.br é uma opção que interessou à servidora aposentada Maria Aparecida Lopes, de 60 anos. “Agora já sei que posso fazer pelo aplicativo. Mas foi até bom vir aqui no IPMC. Fazia tempo que eu não vinha. E o atendimento foi rápido”, comentou.

Ainda em dezembro, aqueles que não estão com a prova de vida em dia, receberão correspondência do IPMC para que compareçam em janeiro de 2024. As cartas estão sendo enviadas pelos Correios para o endereço cadastrado junto ao IPMC com a informação sobre a data e horário de comparecimento.

Quem tiver problemas de saúde que impeçam o comparecimento pode solicitar o atendimento domiciliar. Basta ligar para (41) 3350-3660. Aqueles que não comparecerem serão chamados uma vez mais por carta com aviso de recebimento (AR).

Fonte: Prefeitura de Curitiba