Aposentados e pensionistas da Prefeitura de Curitiba são convocados para a prova de vida

Aposentados e pensionistas da Prefeitura de Curitiba são convocados para a prova de vida

Aposentados e pensionistas que não fizeram a prova de vida nos últimos 12 meses foram convocados pelo Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Curitiba (IPMC). Os 65 beneficiários deverão comparecer à sede do Instituto (Avenida João Gualberto, 623 – 2º andar – torre B) nos dias 10 e 11 de janeiro, preferencialmente no horário indicado. É importante levar os documentos pessoais. Ao fazer o procedimento, a pessoa é fotografada.

A lista de convocados foi publicada no Diário Oficial e pode ser conferida no site do IPMC. Todos devem ter recebido correspondência pelos Correios conforme o endereço cadastrado junto ao IPMC.

A prova de vida é obrigatória a todos os cerca de 19 mil beneficiários do regime próprio de previdência dos servidores da Prefeitura de Curitiba. A obrigatoriedade é válida em todo o país, para que não haja suspensão do pagamento do benefício. Ela é necessária à gestão responsável dos recursos previdenciários, evita pagamentos indevidos e fraudes.

Aqueles que têm doença grave ou dificuldade de locomoção podem solicitar a visita domiciliar pelo telefone (41) 3350-3660.

Quem mora fora da Região Metropolitana de Curitiba tem a opção do aplicativo GOV.BR ou ainda a utilização de formulário com assinatura em cartório e envio ao IPMC.

Os que vivem fora do Brasil podem fazer uso do mesmo formulário, mas devem procurar a representação diplomática do Brasil (embaixada ou consulado). As instruções podem ser conferidas AQUI.

E quem não foi chamado?

Aqueles que não foram convocados desta vez precisam apenas acompanhar a validade da sua prova de vida. Basta acessar o portal do IPMC, informar CPF e senha. A data de validade constará na tela inicial. Sempre que estiver vencida, o beneficiário deverá comprovar que está vivo.

Atualmente, existem algumas opções para a prova de vida do IPMC, sem que o beneficiário precise comparecer ao Instituto. Em todas elas, a cada vez que o aposentado ou pensionista renova a prova de vida, ela tem validade pelos 12 meses seguintes.

Como fazer a prova de vida

É possível confirmar que está vivo pelo aplicativo GOV.BR ou comparecendo ao IPMC.

CLIQUE AQUI e confira como fazer a prova de vida pelo aplicativo GOV.BR.

Ao utilizar os serviços de saúde da cidade (SUS), como a vacinação, por exemplo; ou algum atendimento no plano de saúde do ICS (Instituto Curitiba de Saúde), o aposentado ou pensionista prova que está vivo.

Fonte: Prefeitura de Curitiba