FAS forma 60 novos cuidadores de idosos em parceria com o Senac em Curitiba

FAS forma 60 novos cuidadores de idosos em parceria com o Senac em Curitiba

A Fundação de Ação Social (FAS) celebrou nesta terça-feira (28/11) a formatura de 60 novos cuidadores de idosos. A iniciativa faz parte do programa Liceu de Ofícios e Inovação, que oferece o curso gratuito com o objetivo de capacitar profissionais para atender às necessidades específicas da população idosa.

O curso, com carga horária de 160 horas, busca desenvolver competências essenciais para cuidar de idosos em suas atividades diárias, promovendo independência e autonomia. Podem participar pessoas com idade mínima de 18 anos e ensino fundamental completo.

Representantes da FAS e do Senac estiveram presentes na formatura e destacaram a importância da parceria e do investimento em qualificação profissional.

Demanda de mercado

A coordenadora de Qualificação da FAS, Zilá Quevedo, falou da satisfação da fundação ao ver o sucesso do curso. “O curso de Cuidador teve sua primeira turma em 2021 e desde então já formou mais de 600 pessoas, profissionais que foram qualificados para atender a uma demanda de mercado provocada pelo envelhecimento da população”, disse.

Financiado pelo Conselho Municipal de Direitos da Pessoa Idosa (CMDPI), o curso de Cuidador de Idosos contou em 2023 com 13 turmas que ofertaram 340 vagas nas dez regionais da cidade.

Técnico de Relações com o Mercado do Senac, Everson Souza destacou que a FAS é hoje uma das principais parceiras da instituição para qualificar a população. Segundo ele, só este ano, a fundação investiu R$ 1 milhão na realização de cursos desenvolvidos pelo Senac e ofertados gratuitamente para os interessados.

Oportunidade

Marissara Dias de Souza, 49 anos, e Dulcemara do Nascimento, 55, fizeram parte da turma de formandos. Ambas falaram como o curso impactou positivamente em suas vidas, agregando conhecimento e oportunidades profissionais.

Marissara, que dirige uma instituição de longa permanência exclusiva para mulheres, no bairro Mercês, elogiou as técnicas aprendidas no curso e como elas serão aplicadas em todas as áreas de seu empreendimento.

“Fiz o curso para me aperfeiçoar e ele agregou muito no empreendimento. Hoje me sinto uma cuidadora sênior ainda mais capacitada para atender às nossas moradoras”, disse a mulher que fez o curso junto com o marido.

Já Dulcemara, mãe de três filhos adultos e trancista de profissão, destacou o incentivo dos professores, a qualidade das aulas práticas e teóricas, e a nova perspectiva de trabalho como cuidadora. “Vou me dedicar em tudo que aprendi, como ser um ser humano melhor e cuidar de uma pessoa”, disse.

Fonte: Prefeitura de Curitiba