Prefeitos de Portugal e comitiva argentina conhecem projetos urbanísticos de Curitiba

Prefeitos de Portugal e comitiva argentina conhecem projetos urbanísticos de Curitiba

Comitivas de outros países que participam da 5ª edição do Smart City Expo Curitiba, que vai até sexta (22/3), no Centro de Eventos Positivo, estão aproveitando a oportunidade para conhecer o planejamento urbano e as inovações que garantiram à capital paranaense o prêmio de Cidade Mais Inteligente do Mundo.

Nesta quarta-feira (20/3), prefeitos de sete cidades portuguesas e da Prefeitura de Moreno, na Argentina, visitaram a sede do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc) e foram apresentados aos projetos urbanísticos em andamento na cidade.

 

Mobilidade e Hipervisor urbano

Eles conheceram destalhes das intervenções para implantação da eletromobilidade no transporte público, com o Novo Inter 2 e o BRT Leste-Oeste; a construção do Bairro Novo da Caximba, que está recuperando uma área de preservação ambiental e criando o primeiro bairro inteligente do Brasil; e o recém-lançado Hipervisor Urbano, que coleta e analisa dados em massa para a melhor gestão da cidade.

Esta é segunda comitiva estrangeira que visita o Ippuc esta semana. Na segunda-feira (18/3), o instituto recebeu uma comitiva de vários países da América Latina.

Os prefeitos portugueses foram recebidos pela diretora de Informações do Ippuc, Liana Vallicelli, pela coordenadora de Relações Externas, Rosane Popp, e pelo assessor da presidência do instituto, Ricardo de Almeida Bindo.

Energia solar e Fazenda Urbana

No encontro, realizado na Casa Polonesa do Ippuc, foram destacadas também as ações de Curitiba que colocam a energia solar como aposta para a sustentabilidade, como a Pirâmide Solar de Curitiba e os painéis fotovoltaicos instalados em pontos como o Palácio 29 de Março e em terminais de ônibus; as iniciativas de preservação do Meio Ambiente, incentivo à agricultura familiar nas 148 hortas comunitárias e a Fazenda Urbana e o projeto o Caminhar Melhor, que dá prioridade ao pedestre.

Rompendo fronteiras

Para o prefeito de Viseu, Fernando Ruas, conhecer o planejamento urbano de Curitiba foi constatar o que ele já havia tomado conhecimento através da mídia.

“Nós tínhamos a ideia de que Curitiba, no panorama brasileiro, é uma cidade bem planejada, com qualidade de vida. E hoje viemos constatar isso no cérebro dessa planificação”, disse Fernando Ruas.

O prefeito de Viseu avaliou que o trabalho realizado pelo Ippuc com a Prefeitura de Curitiba é sempre em consonância com a realidade dos desafios urbanos.

“A impressão que estamos levando daqui é das melhores, muito embora a realidade portuguesa e das nossas cidades seja um bocado diferente, já que estamos falando de cidades antigas, com 2.500 anos de história, onde não é possível realizar muitas das intervenções que vimos aqui”, pontou Ruas.

Aposta na sustentabilidade

O prefeito Paulo Catalino, da cidade de Carregal do Sal (região central de Portugal), elogiou a capacidade de Curitiba de pensar o planejamento sustentável, com programas e projetos para mitigar os efeitos das mudanças climáticas.

“Esta capacidade que Curitiba tem de aliar o planejamento à sustentabilidade é um bom exemplo de cidade inteligente. Eu encontrei com o prefeito Rafael Greca aqui e também em Barcelona, onde ele recebeu o prêmio da Cidade mais Inteligente e hoje viemos com os prefeitos da região central do país, para verificar o bom trabalho que o planejamento urbano está produzindo em Curitiba”, disse o prefeito português.

Benfeitor da humanidade

Paulo Catalino também falou que existe uma relação especial entre Curitiba e a cidade de Carregal do Sal por conta de um cônsul português, Aristides de Sousa Mendes, que viveu em Curitiba em 1918 e salvou 30 mil pessoas do holocausto nazista.

Por conta disso, Curitiba terá uma efígie (representação de uma pessoa numa moeda, pintura ou escultura) em homenagem ao cônsul. A obra ficará no Memorial de Curitiba no Largo da Ordem e faz parte do Acordo de Cooperação Cultural e Inovação que Curitiba assinou com a cidade de Carregal do Sal (Portugal).

A efígie do Memorial será uma ampliação baseada na medalha com o rosto de Aristides de Sousa Mendes que o prefeito de Carregal do Sal, Paulo Catalino de Almeida Ferraz, deu ao prefeito Rafael Greca.

Integrantes das comitivas

A comitiva portuguesa é formada pelos prefeitos Paulo Catalino (Carregal do Sal), Paulo Almeida (Castro Daire), Paulo Marques (Vila Nova de Paiva), Marco Almeida (Mangualde), Fernando Ruas (Viseu) e Vitor Figueiredo (São Pedro do Sul). Integraram o grupo João Valério, presidente da Câmara Municipal de Oliveira de Frades, Nuno Martinho e João Carlos Almeida.

A comitiva argentina estava formada por Maria Fernandez, Maria Gimenez, Daiana Anadon, Frederico Fongi, Emanuel Fernandez, Vicente Linares, Vanessa Villar e Leonardo Grosso.

 

Fonte: Prefeitura de Curitiba