Saúde de Curitiba reúne núcleo gerencial e profissionais da SMS para planejamento de ações

Cerca de 300 profissionais da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Curitiba se reuniram nesta terça-feira (19/3) para a Plenária Gerencial 2024. O objetivo foi discutir o planejamento de ações previstas para o ano e estimular o compartilhamento de experiências com as equipes da SMS, que envolve núcleo gerencial, atenção primária, atenção especializada, urgência e emergência e Fundação Estatal de Atenção à Saúde (Feas).

O encontro contou com a participação do vice-prefeito e secretário de Estado das Cidades, Eduardo Pimentel, que levou sua mensagem à equipe da Saúde, coordenada pela secretária municipal Beatriz Battistella.

“Eu quero dizer muito obrigado a todos vocês pelo trabalho que desenvolvem no dia a dia, no atendimento à população. Vejo o reconhecimento do curitibano ao trabalho de excelência realizado por essa equipe comprometida”, disse Eduardo Pimentel , elogiando a capacidade de mobilização de todos, “como já foi comprovado durante a pandemia da covid-19 e agora nos mutirões da dengue”, destacou.

Beatriz Battistella fez um balanço das ações e projetos desenvolvidos pela SMS em 2023 e destacou a importância do trabalho coletivo para alcançar resultados significativos em 2024 e que têm impacto na vida do curitibano.

“Nosso sistema de saúde funciona 24 horas, todos os dias do ano. Para fazer essa complexa engrenagem funcionar é necessário o trabalho de cada profissional, das equipes que estão em cada ponto de atenção e do cuidado com os projetos e os recursos disponíveis para o trabalho evoluir constantemente”, disse a secretária.

Ações assistenciais

Entre os destaques do ano, o combate à dengue é uma das prioridades. O diretor do Centro de Epidemiologia da SMS, Alcides Oliveira, relatou o estágio atual de casos e o esforço que as equipes de vigilância e assistência devem ter no controle da doença.

Coube à superintendente de Gestão, Flávia Quadros, enumerar diversas ampliações de serviços, que vão impactar na rotina das equipes e no atendimento da população. Entre eles, a ampliação de ultrassonografias regionalizadas e de raio-x odontológico nas UPAs; ampliação de telerregulação de ortopedia, neurologia e gastroenterologia; ampliação da oferta de neuropediatria; ampliação do transporte de pacientes para hemodiálise no turno da noite e fim de semana; ampliação de equipe do Saúde em Casa; ampliação da teleconsultoria nas UPAs para pediatria, cardiologia, oncologia e terapia renal; entre outros projetos já em processo de execução.

Também será realizado em 2024 o mutirão de cirurgias ortopédicas dos hospitais contratualizados. Na área de infraestrutura, serão reformadas as UPAs Cajuru e Boqueirão e finalizadas as obras de reforma de seis unidades de saúde.

Encontro de Saúde Coletiva

De 15 a 17 de maio, a SMS vai realizar o 11º Encontro de Saúde Coletiva, um espaço para que as equipes possam fazer relatos de experiências e de projetos desenvolvidos em todas as áreas de atuação.

“Será uma oportunidade para apresentarmos aquilo que fazemos de melhor. Peço que vocês incentivem e mobilizem suas equipes para inscrever trabalhos que orgulham a todos nós”, disse Beatriz.

Capacitação

Também foi anunciada a oferta do treinamento de desenvolvimento de lideranças com o professor Armando Terribili Filho, que durante a plenária desta terça-feira conduziu uma atividade com o grupo. A capacitação acontecerá entre 26 de março e 25 de abril, com oferta de 8 horas de capacitação, para 12 turmas da saúde.

Fonte: Prefeitura de Curitiba